Descascar a fruta

E veio um dia que pensei “é hoje é hoje é hoje é agora agoooraaa!” (não é uma homenagem ao Saramago; é que o pensamento foi assim mesmo corrido). Fui até lá abaixo peguei na mala da ferramenta, puxei a RS para cima do cavelete (caseiro) e comecei a soltar-lhe as carenagems. Rapidamente ficaram expostas as entranhas da máquina, e não foi uma visão bonita – óleo lamacento escorrera outrora pela barriga do motor e pela panela de escape. Yac, uma chafurdice. Mas há quem ache estes motores uma obra prima, eu cá acho que gostos não se discutem. Na verdade tenho que admitir alguma admiração pelo trabalho técnico impressionante de refinação e engenhosas soluções para a multitude de problemas complexos que é preciso resolver na mobilidade fóssil (acho que acabei de cunhar um termo!); pena é que foram feitos numa direcção errada do mundo das soluções para a mobilidade. Mas adiante… vamos lá descascar um bocado esta fruta.

Continue reading

Posted in Mecânica, Mota, RS125e | 5 Comments

Então e… porquê?

Porquê? Como Ser racional que somos não podemos deixar de fazer esta pergunta – temos até uma fase da nossa vida que designamos como “a fase dos porquês”, tal é a enxurrada de perguntas que nos vai na cabeça.

Células LiFePO4 (hi tech com 10 anos) em Parquet de Eucalipto (lo tech com 150)

Este projecto obviamente também tem os seus porquês,que não se resumem ao porque é que me meti nisto?; também há por exemplo o porque que é que só fiz isto agora? ou o porque é que gasto tempo a escrever este blog? Alguns dos porquês nunca viremos a saber, mas outros, quem sabe neste artigo…

Continue reading

Posted in Advocacia, Mota, RS125e | 5 Comments

Aprilia RS125e

4 anos depois de ter começado a matutar numa conversão de mota para eléctrica, cheguei aqui:

Ou seja, ao inicio 🙂

Continue reading

Posted in Conversão, Inicio, Mota, RS125e | 12 Comments

Ligar a Mota

Quando convertemos um veículo para tracção eléctrica, muitos procedimentos mudam. Um deles é a sequência “de arranque”, desde o meter a chave na ignição até o motor estar pronto a responder ao acelerador. Esta parte é importante e está intimamente ligada à segurança, especialmente quando se trata de motores com escovas; é preciso um procedimento que não permita que o veículo ligue acidentalmente (especialmente agora que nem barulho de motor tem), e que permita desligar o motor com “1 click” em caso de emergência. Aliando isto à minha vontade de re-aproveitar o mais possível as peças originais, cheguei ao que se segue…

Continue reading

Posted in Artigo, Conversão, Mota | 5 Comments

Corrente = Força, Tensão = Velocidade

O motor eléctrico é uma das peças fundamentais da tecnologia de mobilidade eléctrica. Apesar de ainda serem alguns os tipos de motor que existem, não é sobre isso que vou falar neste artigo; aquilo que tenciono fazer é tentar explicar alguns aspectos fundamentais sobre o funcionamento de um motor eléctrico, sem entrar em demasiados pormenores técnicos. O  que se segue é basicamente válido para qualquer motor eléctrico, mas vamos pensar no nosso simples e velhinho motor DC com escovas.

Motor DC com escovas 350W

Motor DC com escovas 350W

Continue reading

Posted in Artigo, Motor | Leave a comment

DiffTrike

Em 2009 iniciei a ambição de reinventar o transporte pessoal, motivado por uma possível colaboração com um cidadão Norte-Americano chamado John Bass que estava a desenvolver motores-roda de alto rendimento. Depois de estudar as várias formas de transporte ligeiro, cheguei à conclusão que a melhor forma de transporte para o habitante da cidade seria um veículo muito ligeiro e compactável, algo que se pudesse arrumar debaixo de uma mesa e transportar facilmente num comboio ou avião ou elevador.

Assim, o transporte seria verdadeiramente pessoal: o veículo seria “de bolso”, permitindo ao condutor deslocar-se nas distâncias intra-citadinas (e arredores) com conforto e, se necessário, fazer-se acompanhar do condutor a bordo de um transporte colectivo eficiente como o comboio ou o avião até outra cidade. Chegados ao destino, é desdobrar e andar. Seria o transporte intermodal perfeito. Ainda não há consenso sobre o número de lugares, mas o ideal seria um lugar e meio, ou seja, um lugar de adulto e outro para uma criança ou saco de compras / mochila / etc. O veículo deveria também proteger das intempéries e isso exige uma cobertura dobrável bem integrada com a plataforma de tracção. Continue reading

Posted in DiffTrike, Hibrido Serie, Inicio, Trike | Leave a comment

Nuno João

Sempre adorei tecnologia, vista do lado de dentro. Ao ver um gadget novo a 1ª coisa em que penso é no seu interior, como é que funciona, como é que foi construído e não me fascina tanto a sua utilização. Dediquei-me profissionalmente à informática mas sempre tive um pézinho na electrónica, e mais recentemente vejo-me interessado na mecânica – o “trinómio mecatrónica” em que se baseia o avanço tecnológico da nossa sociedade.

Posted in Electrão | Tagged , , | Leave a comment

Vasco Névoa

Curioso de várias áreas de engenharia e não só.

Interessado na sustentabilidade total e em muitas outras coisas.

Dedico-me nas horas livres ao projecto DiffTrike e outras iniciativas de integração e resiliência.

Posted in Electrão | Tagged , , , , | Leave a comment